17 de dezembro de 2009

Concordo com Mário Quintana quando ele diz que a amizade é um amor que nunca morre. Não é nem um pouco fácil explicar o que significa ter alguém que me traz um pedacinho de chão quando perco tudo, ter alguém que me faz enxergar a realidade quando meus olhos insistem em não ver. Alguém que me escuta, e que me aceita, que não exige de mim mais do que eu posso ser. Você apareceu exatamente quando todos pareciam ter ido embora. Surgiu sem dar muita explicação e se instalou em minha vida. Você, que não parecia vir para ficar, ficou. Não sei exatamente por quanto tempo, e procuro não pensar nisso, pois me dói saber que um dia você, como todos os outros, vai embora para longe de mim. E não sei como serão meus dias daqui pra frente, mas se você estiver por perto nada será tão difícil assim.

2 comentários:

Stephanie Pereira disse...

e eu concordo com tudo que tu disse...
o tempo passa e a unica coisa q realmente fica sao as verdadeiras amizades..

*Natália* disse...

Quem tem amigos, tem tudo !
Feliz Nataal.

beiijos